As tecnologias no meio odontológico

O setor odontológico está cada vez mais inovador e aderente de novas tecnologias odontológicas. Pensando em melhores e instantâneos resultados de tratamento, e na menor dor possível aos pacientes, profissionais da área contam com a ajuda desses avanços tecnológicos. Esses implementos colaboram também para um diagnóstico mais rápido e preciso, além de proporcionarem uma maior comodidade ao cliente.

Veja a seguir algumas dessas inovações:

Ultrassom cirúrgico

O ultrassom cirúrgico é um procedimento de resultado rápido e que traz benefícios principalmente no pós-cirúrgico, protegendo as estruturas anatômicas de possíveis lesões nos nervos. É um facilitador de processos odontológicos, como a correção de sua mordida. Não é invasivo como os demais processos e oferece um pós-cirúrgico de maior tranquilidade.

Tomografia computadorizada

O procedimento da tomografia computadorizada é um exame não invasivo realizado em conjunto por equipamentos especiais de raio x e computadores programados para produzir imagens internas dos órgãos.

Ele influencia na finalização do diagnóstico, permitindo a análise de casos onde com o uso de aparelhos como o raio-x periapical, não seria possível um diagnóstico. Além disso, esse novo tipo de tratamento nos dá acesso a dimensões ósseas para planejamento de uma prótese dentária e demais variações.

Aparelho ortodôntico invisível

Quando se é recomendado o uso de aparelho ortodôntico, grande parte dos pacientes se preocupam com a aparência e o conforto ao longo do tratamento. Isso se justifica pela forte presença e interferência do aparelho no sorriso e aos incômodos e feridas na lateral da boca e nos lábios.

O aparelho ortodôntico invisível pode ser a solução para esses problemas. Apresentando, em sua maioria, bons resultados em um curto período de tempo, é transparente e quase imperceptível.

Modelado por computadores e personalizado para a arcada dentária de cada paciente, o paciente pode removê-lo para devida higienização dos dentes e para se alimentar. O aparelho ortodôntico invisível pode ser recomendado, além do tratamento tradicional, para correção de dentes apinhados, sobremordida, mordida cruzada, mordida aberta, prognatismo e diastemas.

Anestesia eletrônica

A anestesia também é uma das razões do receio das pessoas com os consultórios odontológicos. É um procedimento doloroso e em alguns casos, a boca do paciente não absorve a substância totalmente, gerando desconforto por todo o procedimento.

Para evitar situações como essa foi idealizada a anestesia eletrônica, um aparelho que faz possível o controle da injeção com maior precisão, bem como o fluxo da substância da agulha. Com a anestesia eletrônica, a dor é reduzida exponencialmente, ou por completo, representando um grande exemplo das novas tecnologias odontológicas.

Membrana L-PRF

Visando uma regeneração mais rápida do tecido em processos cirúrgicos, muitos dentistas aderiram o uso da membrana- LPRF, uma espécie de enxerto autólogo que é obtido através da centrifugação do sangue do paciente ativado em gel de fibrina.

Essa inovação tecnológica pode ser usada no procedimento de implantes, cirurgias pré-implantares, regeneração do osso e cicatrização, proteção da membrana, diminuição de edema e para conter a dor pós-operatória.

Escaneamento oral

Esse procedimento traz conforto ao paciente e evita a moldagem, permitindo ao profissional uma maior fidelidade as suas estruturas dentárias, além de uma maior precisão no planejamento da situação.

Essa técnica obtém imagens tridimensionais feitas por uma câmera intra-oral, que tira fotos da arcada dentária e se faz possível registrar os arcos, dentes, tecidos subjacentes e a oclusão de forma precisa. Tendo acesso a essas áreas, podem ser identificados problemas bucais desde o início, como em casos de placa bacteriana acumulada.

Tecnologia CAD/CAM

Complementar ao escaneamento oral, a tecnologia CAD/CAM é responsável por criar cópias fieis em três dimensões no computador.  É utilizada em vários seguimentos para o desenvolvimento de moldes e impressões 3D. 

Supre métodos antigos, como o gesso, e é ideal para potencializar a precisão dos procedimentos, já que os modelos são aprimorados.

Confecção de prótese dentária

A prótese dentária pode ser de porcelana e zircônio, que são materiais mais tecnológicos e naturais. Esses materiais produzem um implante mais similar a um dente de verdade e possuem um alto índice de satisfação.

O avanço das tecnologias odontológicas influenciou também a confecção de próteses dentárias mais resistentes e confortáveis ao paciente, a sua reabilitação oral em menor tempo e resultados otimizados.

Principais vantagens

Além das vantagens citadas, as recentes inovações promovem aos dentistas uma melhor previsão, precisão, planejamentos sucintos e, diagnósticos e processos mais rápidos. Todas essas vantagens são perceptíveis ao olhar do paciente, que se sente seguro e mais confiante com o desenrolar de seu tratamento e com a conclusão do seu procedimento.

Abra as portas para a inovação

São muitos aqueles que ainda não se sentem bem em consultórios odontológicos por meio do medo e receio de dor, mas são principalmente quem não apresenta os dentes em bom estado. Porém, contradizendo toda essa desconfiança, os tratamentos e equipamentos evoluíram muito, juntamente com as técnicas de atuação. Hoje em dia, a realidade é bem diferente da de algumas décadas atrás.

Pense na sua saúde bucal e agende já a sua consulta com seu dentista de confiança que conta com as novas tecnologias odontológicas.

Sobre o Autor:

Sou Consultor de Marketing Digital e Expert de Vendas On-line com 18 anos de experiência no mercado de internet e mais de 600 projetos digitais desde 1997, isso mesmo da época que não existia Wordpress, só o velho e bom notepad!
Open chat
1
Olá! Como podemos te ajudar?
Powered by