As melhores práticas de segurança para proteger seu site WordPress

Investir na criação de um site em WordPress é uma das melhores opções para quem quer criar um e-commerce. Esse é um dos sistemas mais populares do mundo, sendo usado por inúmeros criadores de conteúdo e empresas que hospedam seus sites na internet.

Essa popularidade faz com que se torne alvo de ataques cibernéticos, tornando o WordPress o sistema de gerenciamento de conteúdo (CMS) mais hackeado do mundo. Por causa disso, muito se discute a respeito da segurança na internet para manter seus dados livres da ação de criminosos. Apesar da informação assustar, ela não deve causar pânico.

Se você tem um site WordPress e quer mantê-lo protegido, existem práticas de segurança que ajudam nesse sentido. Nesse artigo te ensinamos a como reforçar a segurança da sua página na internet!

Principais falhas de segurança

Boa parte das vulnerabilidades de segurança do WordPress acontecem por causa de falhas humanas. Muitas vezes ao montar o site não nos atentamos a questões simples, mas importantes como atualizar os temas e plugins, executar as versões mais recentes do WordPress, entre outras atualizações. Softwares desatualizados são a porta de entrada para hackers e facilitam a atuação desses criminosos.

Outro vacilo bastante comum é não fazer a troca do nome de usuário, que vem por padrão como ‘admin’. Seja por falta de conhecimento ou não darmos a devida atenção, assim deixamos o login. Essa é uma falha de segurança que acontece com diversos sites.

Ao investir na criação de um e-commerce precisamos verificar a procedência dos temas e plugins que instalamos no site. Muitos deles podem ser inseguros, trazendo consigo vírus que roubam os dados.

Como tornar o site WordPress mais seguro

É possível adotar medidas práticas de segurança para proteger o seu site e evitar maiores problemas. Quem tem uma loja virtual precisa ter o cuidado redobrado, pois o sucesso do negócio depende também de ter um site confiável, tanto para si mesmo, quanto para os clientes. Confira as dicas a seguir:

  • Atualizações: é de fundamental importância manter a versão do WordPress atualizada no seu site. A cada nova versão são adicionadas medidas de segurança que corrigem falhas anteriores. Versões mais antigas não têm as mesmas propriedades e facilitam a ação de hackers. O mesmo acontece com os temas e plugins instalados. Por isso, a atualização é a mais simples e eficiente prática de segurança.
  • Senhas: como falamos anteriormente, login e senhas simples são problemas gravíssimos para a segurança de sites WordPress. O padrão ‘admin’ deve ser substituído logo no primeiro acesso. Tendo um login confiável e uma senha de segurança forte você aumenta a segurança do seu site e diminui os riscos de perder seus dados.
  • Não use temas piratas: ao criar um e-commerce, muitas vezes optamos pela opção mais fácil e barata. Não gastamos com temas pagos e instalamos aqueles que achamos facilmente pela internet. Cuidado. Eles podem ver infectados. Há temas gratuitos no próprio WordPress caso você queira economizar. Nunca use temas piratas.
  • Faça Backups: uma medida de segurança importante é a realização de backups, ou seja, criar cópias de segurança dos dados do seu site. O próprio WordPress disponibiliza plugins próprios para isso.
  • Cuidado com o banco de dados: todo conteúdo do seu site está armazenado no banco de dados. Se ele for atacado, certamente você perderá tudo que construiu até aqui. Use senhas muito fortes e, se quiser, opte por modificar o prefixo das tabelas do banco de dados.

Ainda podemos citar outras medidas como evitar SPAM, excluir plugins e arquivos que não estejam sendo mais utilizados e habilitar a autenticação de dois fatores para reforçar a segurança na hora de fazer o login.

Os perigos e vulnerabilidades da internet são reais e podem nos atingir a qualquer momento se não estivermos preparados. Seguindo as dicas de medidas de segurança que demos você terá preocupações menores com o seu site WordPress.

Se você gostou das dicas de segurança para reforçar o seu site ao criar e-commerce, compartilhe esse post nas redes sociais!

Sobre o Autor:

Sou Consultor de Marketing Digital e Expert de Vendas On-line com 18 anos de experiência no mercado de internet e mais de 600 projetos digitais desde 1997, isso mesmo da época que não existia Wordpress, só o velho e bom notepad!

Deixe um comentário

1
Olá! Como podemos te ajudar?
Powered by