ganhar dinheiro na internet

Qual a forma mais rápida e fácil de ganhar dinheiro na internet?

Ganhar dinheiro na internet é um desejo de cada vez mais comum. Entre as grandes vantagens, está a de trabalhar em qualquer lugar e obter escalabilidade do negócio. Mas qual a melhor forma de conseguir isso? Esse artigo vem para te ajudar a encontrar um caminho para iniciar o seu empreendimento online.

 

Vamos ser práticos, dinheiro rápido e fácil não existe. Pelo menos dinheiro conseguido de forma legal, ou seja, totalmente dentro da lei. Se você conhece alguma fórmula milagrosa, por favor compartilhe conosco nos comentários. Mas trabalhando duro, é possível ganhar muito dinheiro. E a internet é o ambiente mais democrático que existe para permitir a entrada de novos players. Isso porque é possível iniciar um negócio na internet com custo praticamente zero.

 

Mas calma, não se empolgue porque não tem uma receita mágica para você aplicar e se tornar o mais novo milionário em pouco tempo. O que vamos comentar nesse artigo é uma maneira considerada ágil porque dá para iniciar de forma rápida e prática, sem precisar investir em sistemas complexos, servidores e tudo o mais. O mínimo que você precisa é ter contas gratuitas em redes sociais, e-mail, blog ou alguma outra maneira que você imagine para divulgar produtos/serviços para seus contatos.

 

Estamos falando do mercado de afiliados, e se você não sabe o que é isso, ou nunca ouviu falar, nesse artigo você terá um guia completo de como iniciar a sua atuação nesse mercado que não para de crescer no Brasil e no mundo.

 

Mas afinal o que é marketing de afiliados?

Primeiramente vamos esclarecer o que é um afiliado. Se você não tem um produto ou serviço próprio, você pode ser uma espécie de representante comercial, e revender esses produtos na internet, seja no seu blog, website ou até mesmo em suas redes sociais. O afiliado é aquele que faz publicidade para divulgar produtos, infoprodutos e serviços de terceiros, em troca de uma comissão por performance.

 

Esse formato de trabalho é muito popular fora do Brasil, e tem crescido muito no mercado nacional nos últimos anos. O marketing de afiliados é muito democrático, pois permite que qualquer pessoa inicie as divulgações com um investimento muito baixo (ou até mesmo investimento zero), sendo uma excelente forma de conseguir renda extra com um projeto na internet.

 

Principais formatos de remuneração

Existem alguns formatos de comissionamento no marketing de afiliados. Eles nada mais são do que a sistemática para permitir contabilizar a renda que o afiliado tem direito a receber. A seguir listamos as formas mais comuns:

 

CPA (Custo por ação ou venda): Dá direito ao afiliado receber determinada comissão para cada venda efetuada através do seu link de afiliado. Geralmente a comissão é um percentual do valor do pedido (sem custos com frete), ou pode ser ainda um valor fixo por venda. Esse é um dos formatos mais comuns e rentáveis para se trabalhar. Detalhe: você só recebe por vendas validadas (efetivamente pagas pelo cliente).

 

CPL (Custo por Lead): O afiliado faz jus a um valor de comissão para cada cadastro efetuado através do seu link de afiliado. O cadastro pode ser simples, bastando o preenchimento do nome e e-mail por exemplo, ou cadastro completo, exigindo mais informações. É comum que os anunciantes validem todos os cadastros, para evitar fraudes.

 

CPC (custo por clique): O afiliado recebe um valor a cada clique que o seu link recebe. Claro que o valor por clique é bem baixo na maioria das vezes, mas se tiver volume, pode ser uma boa fonte de renda.

 

 

Algumas maneiras de divulgar os seus links de afiliado

Ao efetuar o cadastro em uma rede de afiliação, você pode se candidatar para diversos programas de diferentes anunciantes. Após ser aprovado, você já pode começar a promover os materiais. Dificilmente você terá sucesso com vários segmentos. Uma boa dica é segmentar o seu público e trabalhar com nichos, pois normalmente é mais fácil de conseguir resultados, o que acaba acarretando em maior rentabilidade também. A seguir algumas ideias de espaços para iniciar as suas divulgações.

 

Redes sociais: local onde a sociedade em geral está presente de forma maciça, possui um grande alcance, e principalmente poder de viralização. As redes sociais podem ser um excelente local para que você encontre compradores para os produtos/serviços no qual você é afiliado. Utilize a sua rede de contato e seus amigos a seu favor.

 

E-mail: uma lista de e-mail é uma ferramenta poderosa para fazer marketing online. Mas de nada adianta ter uma lista gigante, sem possibilidade de segmentação. É interessante estruturar a sua lista, e fazer sempre disparos segmentados, para aumentar a taxa de abertura e principalmente a taxa de conversão de vendas.

 

Blogs: Em blogs pessoais, além de você contar com os modelos tradicionais de publicidade, você pode turbinar a sua renda ganhando comissões maiores com o marketing de afiliados. Produza conteúdos de qualidade e consiga tráfego qualificado para que suas vendas aconteçam.

 

Dica Extra: Divulgar Cupons de Desconto junto com os materiais que você produz pode aumentar consideravelmente as vendas. Com um código promocional, a chance de alguém virar cliente aumenta, pois o cupom costuma trazer uma boa vantagem extra para o cliente, seja em forma de desconto ou até mesmo frete grátis.

 

Dica Extra 2: Aproveite datas comemorativas, como a Black Friday, para intensificar as suas divulgações. Nessas datas, as pessoas estão mais propensas a comprar, seja presentes para si mesmo, ou para pessoas próximas.

 

 

Principais dificuldades de trabalhar com marketing de afiliados

Conseguir um resultado expressivo no mercado de afiliados não é nada fácil. Isso pode levar muito tempo, e é necessário muito estudo e trabalho. Técnicas de otimização SEO e domínio do marketing de conteúdo são apenas alguns tópicos importantes para você ter sucesso online.

 

O mais difícil é trazer para o seu espaço o que chamamos de Tráfego Qualificado. Podemos traduzir isso como aparecer para a pessoa certa, na hora certa e no local certo. Ou seja, impactar potenciais compradores para o anunciante que você esteja promovendo. Para o marketing de afiliados, se você tiver muito tráfego online, mas de um público que não está interessado em comprar, o seu resultado será muito baixo. Por isso o seu trabalho precisa ter precisão cirúrgica para dar certo.

 

Uma forma de conseguir tráfego extremamente qualificado é com links patrocinados, pois ele te permite segmentar as palavras-chave para qual quer aparecer nos motores de busca, principalmente o Google. Com esse tipo de mídia paga, você consegue também fazer segmentação geográfica, entre uma série de outros recursos. O problema é que a grande maioria dos anunciantes que trabalham com afiliados tem restrições para divulgação paga, muitas vezes não permitindo nenhum tipo de tráfego incentivado.

 

Outro ponto que pode ser visto como empecilho, principalmente para quem está começando, é a construção de um CNPJ, exigência da maioria das redes de afiliação, que só paga as comissões mediante faturamento de nota fiscal. Mas você pode abrir uma MEI (microempreendedor individual), que é a forma mais simples para formalizar o seu negócio.

 

Conclusão

Trabalhar com afiliados no ambiente online é uma ótima forma para empreender na internet. O baixo custo inicial e a relativa simplicidade de seu modelo, faz com que seja acessível para a grande maioria das pessoas.

 

Apesar disso, esse mercado ainda é muito subpenetrado no Brasil, bem como o e-commerce como um todo. Nos próximos anos, a tendência deve continuar sendo de alta, então quanto antes você iniciar o seu projeto, maiores são as chances de sucesso.

 

Tem muito material sobre isso na internet, e com uma rápida pesquisa, você pode se aprofundar mais e obter preciosos insights para abrir o seu negócio online através do marketing de afiliados.

 

Comentários

2 Comments

  • Marketing janeiro 7, 2019 Reply

    Artigo de boa qualidade,muito gostei!! Vou compartilhar com meus amigos

  • Alan Terra janeiro 31, 2019 Reply

    Ok, Muito obrigado!

Deixe uma resposta